Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Espero por ti...sempre!

Espero por ti...sempre!

cafe1.jpg

 

O dia está calmo...

O céu está limpo...

A brisa é agradável...

Os pensamentos são muitos...

O aroma a café é intenso...

Hoje o meu café estava com gosto do teu beijo...

Fez-me voar para longe... bem longe...

Para um lugar só nosso...

Onde existe musica, tranquilidade e nós dois...

Lugar onde fugimos da rotina...

Esquecemos equívocos e mágoas...

Onde o nosso coração se limpa e a alma purifica...

Lá penduramos os problemas e guardamo-los numa caixinha...

Deixando apenas o amor.

Vou sentir o calor dos teus lábios...

E sussurrar-te ao ouvido...

Dizer-te em segredo...

Para lá voltarmos...

Vamos?

 

 

milhas

"Home"

Michael Bublé

 dreams..jpg

 

Os ciclos,

como brisa do vento…

vão e nãovoltam…

Na verdade,

os ciclos, na vida

são etapas que surgem

e avançam.

Nunca se pode viver

eternamente no passado…

No presente e no futuro…

outros ciclos se abrem

como reciclagem premente

ou necessária…

Mas, do passado

mesmo quando tentamos

esquecer esse passado,

sempre ficam réstias n

o inconsciente ou no subconsciente,

algo que não se consegue

remover facilmente.

Dançam na nossa mente

como brisa do vento que rodopia.

Quando avançamos para novo ciclo

levamo-nos a nós completos…

Algo de nós ainda somos.

Deixamos de transportar

muitas e diversas coisas

mas, há as que permanecem

e nos acompanham

para novo ciclo.

Por muito que os ciclos mudem

novos se abram

e outros fechem por completo,

sempre a tal brisa te transportará

até ao meu coração

onde sempre habitarás.

Tal como sempre

estiveste no passado,

estás hoje

e eternamente ficarás…

 

 

café

Arno Elias Corazon ... the best music

 

maos.jpg

 

 

Hoje escrevo-te mais uma vez...

Agradecendo o dia em que nos cruzamos...

Chegamos perto um do outro subtilmente...

No meio de tanta gente...

Adicionaste os teus sonhos nos meus...

Abriste a minha visão de mundo...

Tudo ficou mais florido...

Com borboletas e balões coloridos...

Mudaram-se significados...

O simples tornou-se especial...

Tatuaste a minha vida de acontecimentos...

Pequenos segredos...

Grandes partilhas...

E assim correu a vida...

Num ciclo sem fim...

Hoje outro se inicia ...

E com carinho afirmo que...

Em todos eles permanecerás...

Na minha alma e no meu coração...

Sempre!!!...

Eternamente...

Gosto muitooooo de ti!!!

 

 

milhas

 

"Stay with me "

Danity Kane

HAPPY BIRTHDAY.jpg

 

Foi esta, a data

escolhida por Deus para ti…

Um dos meus dias preferidos

para te felicitar…

Por seres quem és,

o quanto significa para mim

ter o privilégio

de ter ao meu lado,

neste dia…

alguém tão positivo e contagiante

Alguém como tu, e

termos a oportunidade

de viver bons instantes

de felicidade…

Se hoje, no silêncio da noite,

mesmo que estejas a sonhar…

sentires uns lábios

tocarem os teus…

são os meus a felicitar-te…

beijando-te com doçura…

E quero que sempre penses

que nunca quero

ferir o teu coração,

porque sei que

estou dentro dele…

Abraço

 

café

 

 " Happy Day!!!!! Song "

 (rock)

 

 

hpna.jpg

 

" Amor magia quanta sedução!

Ah que doce ilusão

Maravilhosa sensação

Acabar-me em teus braços

Sentir a palpitação do teu coração

Enlear a brisa morna que passa

Confundindo com teu aroma

Abrindo o apetite d'alma

Saciando com calma

Cada momento ao teu lado

Vem serenando a cálida

E efêmera madrugada

Nós dois aqui acordados

Esperando por um momento mágico

Daqueles que nos faz ficar alertas

Seduzidos pelas carícias

E pelos impulsivos desejos

Pela sintonia do amor magia"

 

café

" Aurora "

Ernesto Cortazar 

 

We.jpg

 

Às vezes pensas em perguntas…

Pensas tu e penso eu…

perguntas diversas…

E se perguntarmos…

para algumas dessas perguntas,

não temos respostas…

Há segredos e mistérios…

que são para permanecer

tal como estão,

Longe de serem julgados…

ou de qualquer tipo de apreciação.

Disso sabes tão bem como eu…

Não te digo onde ires,

nem quando voltares.

Podes não voltar,

depois de teres ido...

Até nunca teres estado,

ter acontecido….

Não te vou querer por perto,

se és mais próxima, se longe…

e mesmo próxima…

és cheia de medos e vontades.

A vontade e o medo,

quando nós mais próximos,

fazem-te, ambos, sentir incapaz …

de que convivam juntos.

E, se os medos não te abandonam,

não saberás o que é a perfeição…

por isso também não quero…

nem a tua perfeição,

nem os teus medos,

mas na verdade, quero-te…

mesmo com algumas teimosias…

rodeada de vãos cheios de brechas,

pois te aproximas mais…

quando vês mais distância...

Em ser tu e eu,

seremos do amanhã,

a razão, de alguma forma…

Somos diferentes e únicos…

no meio de um sonho…

somos o melhor conjunto…

par ou dupla, assim, separadamente...

Não vou querer ser a tua vontade…

porque talvez nunca tu a queiras…

Não te vou querer demasiado…

apenas te vou querer ao lado…

junto…até mesmo do lado de dentro…

Enquanto fizermos o nosso tempo,

sempre te vou desejar…

Se o tempo no amanhã manda,

concluiremos que nós…

nunca poderíamos ter sido

no singular… o que fomos

e conseguimos ser no plural…

 

café

 " With You At The Distance "

O vento na ilha - Pablo Neruda

Ernesto Cortazar

 

b.sound.png

 

Resplandece uma gota de orvalho…

Acontece o alvorecer…

Com um raio de sol…

nesse amanhecer…

canta um pássaro

enquanto correm nuvens,

lá no céu…

Há gotas que escorrem…

são de chuva…

Enternecemo-nos ao ouvir

uma canção…

e ouvimos o tanger

de um sino que repica.

Ao longe…

o gemer das cordas de um violino

parece-nos ouvir…

Dou-te uma poesia para leres

com história que

nunca esquecerás…

E no entardecer…

nesse crepúsculo…

já vês uma estrela…

a anunciar o anoitecer…

Entre as nuvens vislumbras

a lua quase cheia, que te espreita…

Envolve-te uma brisa suave,

que faz ondular o teu vestido

Ofereço-te uma rosa…

com ela, o teu viver enfeitas…

Mudam os tempos

E vejo no teu sorriso…

o renascer

da Primavera que chegou!...                                   

 

 

 café

 " Gold... The Color of Enigma "

Yakuro

14 - 3.jpg

 

Uma nova estação nasceu...

Nasceu e trouxe com ela a sabedoria...

A sabedoria do passado e a ignorância do futuro...

E aqui está...

Pronta para recomeçar...

Numa Primavera, no jardim nos cruzamos...

Um mundo distante...

Muitas vezes lembrado...

Corações que guardaram conversas...

Protegeram segredos...

Colhemos a alegria das flores...

E vivemos a vivacidade das suas cores...

Fizemos da interrupção um caminho de volta...

Do sonho um passo de dança...

Do medo uma ponte...

Da procura um encontro...

Somos como a Primavera, renascemos cada dia...

E cada dia aumenta a vontade de contigo partilhar...

muitas e muitas mais Primaveras.

 

 

milhas

Always Remembering You - John Adorney featuring Daya

 we-rain.jpg

 

Hoje trouxeste-me a chuva,

Uma chuva de sons…

de melodias…

Melodias incomparáveis,

como palavras de felicidade,

cheias de beleza...

Trouxeste esta chuva para mim e…

mataste a saudade

e os teus desejos.

Passeamos na praia…

sentamos na areia…

junto ao mar

que sabes me acalma.

Que me faz lembrar de ti,

quando com ele converso,

falando-lhe de ti…

Hoje ficas comigo.

Ficas para me agasalhar

para me fazer não sentir frio...

Danças comigo e conversamos…

Vão-me deliciar as tuas palavras…

Vou sentir os teus braços

pousados em mim…

Sentir o teu olhar

pousado no meu...

Vais-me fazer e eu fazer-te feliz.

Comigo vais estar

a olhar a lua que,

com seu luar, nos vai guiar

no escuro da noite

Ambos vamos sentir,

nos nossos corações,

esta partilha secreta

da beleza da chuva

que tu a mim trouxeste.

Juntaremos os lábios,

suavemente,

em beijos

que o tempo nunca apagará.

Momentos inéditos,

plenos de gotas de carinho…

Assim será hoje… e sempre!...

Momentos subtis..

que matam saudades...

 

 

café

 " Can´t Help Falling In Love "

  Chris Isaak 

m.y.png

 

Hoje vai chover...

Inéditas gotas de carinho entre...

Incomparáveis palavras de felicidade..

Respingos de desejos e saudade...

Vão chover sons com ritmos de rara beleza...

Uns fortes, outros subtis...

Cairão docemente sobre nós...

Quando essa chuva passar...

Vou aí servir de cobertor contra o frio..

Vou aí conversar...

Vou aí fazer-te dançar...

Vou aí esperar pela próxima chuva...

Vou aí brincar com o teu olhar...

Vou aí sentir o gelo da tua mão...

Vou aí por gostar de estar aí...

Vou pedir ao mar para te acalmar...

Vou pedir à lua para te guiar no escuro...

Vou pedir ao mundo para te fazer feliz para sempre.

Essa chuva não caí por acaso...

Ela não molha...

O vento não leva...

O tempo não apaga...

É chuva que rega o jardim dos nossos corações numa partilha secreta.

 

milhas

" Chuva "

Poema de Jorge Fernando

Pág. 1/2