Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Espero por ti...sempre!

Espero por ti...sempre!

 abraço.jpg

 

Quando eu chegar…
Espera-me de braços abertos…
Irei correr na tua direção…
Para abraçar-te!
Não fales nada quando estivermos assim…
Simplesmente abraça-me forte.
Deixa-me sentir o teu cheiro.
O calor do teu corpo a aquecer-me.
Deixa-me sentir segura.
Quero perder-me nos teus olhos…
Nesse espaço infinito.
Adornado de esperanças…
Onde a tua luz se reflete…
ilumina, irradia, e não estou só…
num sentimento genuino.
E se eu me perder nos teus braços…
Encontra-me com o teu amor!!
Pois quando nos abraçamos…
Conseguimos segurar o mundo…
E o mundo somos nós!

 

                                       milhas

"Open Arms" (With Lyrics)

Celine Dion

ymn.jpg

 

Às vezes…

escapa-me a lucidez

em oceanos

de palavras não ditas…

Vozes querem transbordar…

indomáveis, sair de mim…

Olho o céu onde

se refugiam as estrelas…

elas e os seus segredos…

O céu onde passa a lua,

linda e silenciosa…

sem nunca contar

tanto dos seus segredos…

A lua, senhora dos que amam!...

E não contes,

nunca digas a ninguém,

o segredo que te contei…

e que também a lua sabe,

da emoção que sinto

de sempre te querer

ao meu lado…

 

café

" Now And Forever "

  Richard Marx

images (2).jpg

 

Espero o amanhecer…
Espero o desejo do beijo…
que incendeia o meu coração…
Espero o calor dos teus braços…
Espero, espero, espero...
Entre os labirintos que nos separam…
Entre um gesto e um som…
uma doce recordação…
que me pára a respiração.
Uma memória tua…
um relançe da lua…
que apareçe para nos iluminar.
Algo preso quer sair do seu lugar…
atravessar montanhas e te alcançar.
Contigo sempre esqueci o resto do mundo.
Captas a alma com a tua música…
captas o amor com o teu sorriso.
És matéria prima da poesia…
o teu calor desfaz a frieza de corações.
Espero mesmo sem nada esperar…
Espero por de ti gostar.

 

                                    milhas

"Right here waiting for you"

Richard marx ( lyrics ) 

                               

sk.jpg

 

Que me ofereças o teu ser,

que no silêncio me beijes,

entregues os teus lábios

e com eles me sacies,

a minha sede…

a minha sede de ti!…

No silêncio chamo por ti

e no silêncio sinto,

no teu corpo,

as palavras da minha voz

e todas as lágrimas

de tristeza… e de alegria…

Ouve a melodia

do meu coração

no calor do meu peito…

Encosta-te a mim…

com a doçura de quem ama!…

Neste silêncio…

prende-me

com o teu amor…

Nesse silêncio, aí,

onde te tenho…

é onde te amo sem poder…

Nesse silêncio…

é onde procuro

a tua presença…

mesmo longe dos meus olhos,

No teu silêncio,

que me queiras

como que me vejas…

E a ti sempre sentirei,

sem não mais te esquecer…

No silêncio em que acordo

e onde não estás…

nesse silêncio vou viver

até chegares…

neste silêncio

do meu coração…

 

 

café

 " I Wish You Happiness "

 

d0d6a1794908df9ff62395248064783e.jpg

 

Estou aqui…
E tu também…
Entre a lua e as estrelas…
num sorriso de criança…
num olhar, numa esperança.
Na harmonia das cores…
na natureza esquecida…
na fresca aragem da brisa.
Nas ondas que lavam as praias…
na clara luz do luar.
Na escuridão do infinito…
na amplidão do universo…
no germinar da semente.
Nos movimentos da Terra…
que gira incessantemente.
Não há vida sem volta…
e não há volta sem vida.
No ciclo deste ir e vir constante…
Tudo se renova...
É preciso recomeçar no caminho…
que vai para dentro…
Porque onde estiver o nosso tesouro…
aí estará também o nosso coração.

 

                                       milhas

"Wings" (lyrics) 

Birdy

 

abc.jpg

 

“ I remember when

you kissed me

and i kissed you…

with tears coursing

your cheeks…

and you said…

“Earthly bodies must often

separate for earthly purpose

and must live apart impelled

by worldly intent…

But the spirit remains joined

safely in the hands of Love…

until death arrives and

takes joined souls to God…“

Where are you now,

my other self?

Are you awake in

the silence of the night?

Let the clean breeze convey…

To you my heart’s

every beats and affection…

Where are you now,

my dear star?

Do you hear my weeping

from beyond the ocean ?

Do you understand my need?

Do you know the greatness

of my patience?

Where are you

my beautiful star?

The obscurity of life

has cast me upon its bosom…

Sorrow… has conquered me…

Sail your smile into the air…

it will reach and

enliven me!...

Breath your fragance

into the air…

it will sustain me!...

Where are you,

my dear friend?!...

my beloved!…

Oh... how great is love!!...

and how little am I !!... “

K G

 

 

café

" Where Are You, My Beautiful Star? "

 

1993f0637364cd9e14fa36fffb72e859.jpg

 

Agora estou a pensar em ti…
Hoje aqui, assim, porque sim…
E amanhã, porque será o dia seguinte…
E em tudo o que fomos passando…
E não faltaram obstáculos.
As pontes que ajudaram a transpor abismos...
As subidas e descidas foram realidades presentes.
Juntos, percorremos retas…
apoiamo-nos nas curvas, descobrimos cidades...
O percurso é alavanca para alcançarmos um destino.
Destino será fantástico feito à nossa medida.
Que nesse percurso hajam eternos reencontros…
Dos tempos interrompidos…
Das saudades que por instantes nos assolam…
Pois o mundo é de quem sente!

 

                                        milhas

 "Feelings" (1975)

 Andy Williams

 

9.jpg

 

Rasgam-se as nuvens no céu estrelado…
invade-se a vontade de gritar…
o Sol mantém-se ao longe...calado…
ouvindo o som do belo luar.
Espero e vou esperando…
Não porque deva esperar…
nem porque me sinto cativa dessa opção.
Prefiro estar assim…
Mais que qualquer outra situação.
Ir sorrindo quando a saudade atormentar…
nas minhas noites tristonhas e vazias.
Sorrir quando tudo terminar…
Quando nada mais restar…
Do meu sonho encantador.
Sorrir quando o Sol perder a luz…
Sorrir e ir mentindo a uma dor…
Que noto quando sorrio.
Sem muito pensar vejo que…
conquistámos algo especial.
Construímos o nosso pequeno lugar…
deixando brilhar cada estrelinha…
Estrelinhas...
Doces, sensíveis, quentes, ternurentas...
Sempre presentes em qualquer parte…
da nossa cumplicidade...
Por isso espero e vou esperar…
Aqui neste lugar.

 

                                  milhas

"The Power Of Love" (Lyrics)

Gabrielle Aplin

b.l..jpg

 

E este dia chegou…

Mais uma madrugada correu,

amanheceu… o dia despontou…

Ouvi, ao amanhecer,

o canto de pássaros

e vi, ao alvorecer,

um raio de sol…

como os que,

nas últimas noites,

inundam de luz

e fazem brilhar a lua…

Ouvi o repicado tanger,

ao longe, de um sino…

saudando o dia…

E hoje quero ver,

lá no céu azul

uma nuvem a correr…

Ver resplandecer

uma gota de orvalho…

Ver escorrer um pingo de chuva…

Poesia que possa ser…

como ouvir gemer

as cordas de um violino…

Deixar chegar a tarde

e contar uma história

que não esqueças…

Desejo ler-te

uma poesia de encantar…

Para te proteger,

quero uma fada

e quero uma rosa

que te enfeite a vida…

Quero uma suave brisa

que te envolva com carinho…

Quero um mar aberto

de ondas mansas

que encontrem o céu

e se espraiem

nas areias douradas…

Que no entardecer, deste dia,

o crepúsculo chegue

e piscando traga estrelas

na chegada do anoitecer…

Na noite… desejo

o brilho da lua cheia,

este luar de Agosto,

beijando as águas…

e que chegue

nova madrugada

plena de sonhos vividos

dentro dos meus braços…

selados pelos meus beijos…

E tudo isto hoje quero

para eu ter e…

a ti poder oferecer…

 

 

café

" O Brilho Da Lua "

 " Night Of The New Day "

( HD )

fly.jpg

 

Hoje sou o teu silêncio…

faço parte de ti…

Fica aqui ao meu lado

comigo em ti…

terna… completa…

do avesso… eterna…

Entra no meu pequeno universo

para colorires espaços em branco,

e sorrisos esquecidos, redescobrires…

Faz-me sentir vivo e completo…

Mesmo com este meu silêncio

tão inesperado… fica…

sem ter que te pedir… fica…

todo o tempo que queiras… fica

e faz-me disfrutar de ti num abraço.

Deseja que abrace o teu abraço…

Transborda a tua melancolia em mim.

Confia em mim como

confia em ti a minha alma…

Prende-te como amarras de um barco

que em cais aproa para se proteger

e deixa-te afagar, suavemente…

Abandona-te em mim,

neste meu silêncio,

como sempre acontece quando

por mim esperas até ao reencontro…

Como que sejas o meu céu contemplo-te.

Aqui junto a mim,

tudo o que tenhas para falar… fala…

Conforto-te e faço-te companhia…

mas hoje… hoje…

o silêncio sou eu!...

 

 

café

 " Infiniti Noi "

  Pooh     (vd con testo)

Pág. 1/2