Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Espero por ti...sempre!

Espero por ti...sempre!

 

o.s..gif

 

Viajas…

viajas por esse mundo…

quiçá… esse teu mundo…

Aqui continuo…

a aguardar por ti… sempre!...

A cada dia,

como que perdido,

pergunto onde estarás…

Sem nada saber de ti

a alma desespera

e também se interroga,

quando pensas voltar?

Não arrisca entender

porque ficaste mais longe

quando se sentia feliz

tendo a tua junto a ela…

Espera o seu regresso,

a tua, deseja não voltar…

ir esquecendo…

Que erro terá

sido cometido?

Que terá falhado?

O silêncio… na distância…

tem sido o nosso lugar de encontro…

Mas…. nem que passem anos

até que decidas voltar,

recorda… nem a distância

nem o tempo farão

com que deixe de te querer…

sempre te quis… quero…

quererei… sempre!...

 

 

café

 

“ Contigo En La Distancia “  

     Ernesto Cortazar

images49LL56JW.jpg

 

Não faças do amanhã…
sinónimo de nunca…
nem que o ontem…
seja o mesmo que hoje…
Olha para trás...mas vai em frente.
Preciso que chegues…
para poder seguir-te.
Tens o dom de ver estradas…
onde eu vejo o fim.
Convences quando dizes:
não é bem assim…
Se me esqueço, recordas-me…
se não sei, ensinas-me…
E se me perco na direção…
Vens encontrar-me.
Tens o dom de ouvir segredos…
Mesmo se me calo.
E se falo escutas-me…
Queres compreender.
Se pela força da distância…
Eu me ausento…
Pelo poder que há na saudade...
Voltarei !

 

                            milhas

"Time" (Original versión álbum)

Sarah Mclachlan

imagesD3EY4NIC.jpg

 

Segura-me e não me deixes ir…
Quero ficar do teu lado.
Segura-me num abraço apertado…
deixa-me sentir a tua proteção.
Quero as tuas carícias para acalmar-me,
e as tuas palavras de que eu tanto gosto.
Guia-me nos teus caminhos…
Deixa a vida correr…
Preciso chorar…deixa-me sofrer…
Lembrar e não esquecer.
Horas difíceis e…
Momentos de silêncio calados…
Não me deixam alienada.
Por tantas fases passámos…
Nunca deixámos para depois.
Amor, tolerância e fé…
Não nos deixemos abalar…
pelos obstáculos que a vida traz.
Que assim seja…
Sempre!

 

                       milhas

 

"Stand By Me"

Shayne Ward

 

a n.jpg

 

 

Abraças-me..

Abraço-te…

Juntamo-nos,

cingimo-nos,

um contra o outro,

em apertados abraços,

vezes e vezes sem fim…

Ficamos como

carne da mesma carne…

alma da mesma alma…

Sempre que nos abraçamos…

passamos a ser só um…

um tu e eu… um eu e tu…

No abraço forte, apertado,

alivio-te a dor… a tristeza…

Abraço como o verão

que aquece a alma,

em cada abraço…

Contigo encostada,

suavemente,

no meu ombro,

sentindo o teu leve respirar,

os teus cabelos

afago, docemente,

com os meus dedos…

e com eles percorro a tua pele…

a curva dos teus ombros,

sinto o calor ameno do teu corpo...

os teus braços, que me enlaçam…

e procuras-me em beijos…

Gosto da confissão

dos abraços dos teus braços…

Unidos, juntos… nós…

como nós que não desatam…

Sempre nos abraçamos

na chegada…

nas madrugadas breves e doces…

nas despedidas…

eles sempre acontecem…

Sempre em nós permanece

o desejo do próximo abraço…

Quando sinto a tua falta…

só penso abraçar-te…

Se te sinto triste… abraço-te…

Se te vejo feliz… abraço-te…

Não deixo que te zangues…

antes… abraço-te…

Abraço-te, abraço-te, abraço-te!…

E em cada abraço

sempre te digo,

sem palavras: Estou aqui…

Vives … sempre viverás,

eternamente, dentro

do silêncio do meu abraço!...

Que a felicidade que sentes

quando te acolho num abraço,

seja perene…

Que nele te sintas

repleta de felicidade…

Que nele sempre te sintas

abrigada, protegida,

nele sintas paz e amor…

que nele queiras estar,

hoje e sempre…

te sintas completa…

que me pertenças inteira…

 

 

café

 " Abrázame "

  Edgar Cortazár

 

4763bd54b0fde3baa863cf8f062f056c.jpg

 

Tu és um instante sem fim…
um começo assim…
um outro mundo para mim.
Um sorriso eterno…
Do qual me faço valer em dias cinzentos…
Um perfume perpetuo…
Que tenho em mim…
Esse olhar sereno…
Apazigua a minha alma…
Fala-me baixinho ao ouvido…
E não estarei sozinha nos meus pensamentos…
Afaga os meus cabelos em teus dedos…
E decerto não terei noites de insónia.
Fica comigo por hoje…
Pois em mim…
já te tenho para sempre.

 

                                 milhas

'Talvez não ser é ser sem o teu ser' 

Pablo Neruda

velas-.jpg

 

Ontem…

chegaste até mim…

abracei-te forte,

mas solta…

Envolvi-te dentro do meu

abraço, em silêncio…

Tocamos os lábios

matando essa sede

de tanto se desejarem…

De nós, absorvemos

os nossos cheiros…

Hoje…

estás comigo…

vieste ser feliz!...

Procuraste-me

e sei-te junto de mim,

neste teu silêncio,

em abandono…

Aqui fico junto a ti…

conforto-te,

como quando te procuro

e me reencontro em ti…

Logo…

vamos à praia

caminhar na areia solta,

na água do mar,

molhar os pés

e esperar pelo pôr do sol…

Chapinar nas pequenas ondas

de um mar que se espraia…

Vamos conversar…

contar histórias inéditas,

inventando palavras

que envolvam sentimentos…

E no vento deixar,

como num sonho,

rebolar palavras que dizemos…

Pela noite…

iremos ouvir

trémulas estrelas,

e ver no céu,

redesenharem-se, cometas…

No nosso quarto…

ver sombras mágicas,

projetadas pela luz

de velas, irrequietas…

E vamos… eternamente,

com sorrisos na bagagem,

pelo Universo viajar,

como num verso intenso,

com maravilhoso sentido,

pleno dos nossos abraços,

dos nossos beijos…

E quando descansarmos

aguardamos pelas manhãs,

que cheguem, nas esperas

pelo sol nascente…

E assim…

serei feliz contigo…

 

café

Till - Ernesto Cortazar

 -mr-

Pág. 2/2